Monitoramento ao vivo: twitter.com/bhtempo

bhtempo

    6 de setembro de 2009

    Série 'Climas de Minas': conheça São Lourenço!

    Esse domingo, o primeiro do mês de setembro, é dia de série especial no BH TEMPO! Muitos de nossos leitores sugeriram que cidades como Maria da Fé e Monte Verde, no Sul de Minas Gerais, fossem escolhidas para o segundo episódio da série Climas de Minas. No entanto, em virtude da ausência de dados climatológicos sobre essas localidades, o BH TEMPO utilizou o bom senso e optou por outra cidade, a menos de 50 km de Maria da Fé. Nesse domingo, temos o orgulho de apresentar algumas características do clima de São Lourenço, no Sul de Minas! As análises seguintes se baseiam em dados das Normais Climatologícas 1961-1990 do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET).

    São Lourenço, a 387 km da capital mineira, está a aproximadamente 900 m de altitude e é cidade pólo do conhecido Circuito das Águas. Segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o município conta com pouco mais de 42 mil habitantes em 2009. São Lourenço possui o segundo maior Índice de Desenvolvimento Humano (0,839) de Minas Gerais, inferior apenas ao de Poços de Caldas, também no Sul de Minas, conforme dados do ano de 2000. A cidade conta com inúmeros atrativos turísticos, dos quais destacam-se o Parque das Águas com suas diversas fontes de água mineral, teleférico, mirantes e um agradável passeio de Maria Fumaça.
    Devido à sua altitude, São Lourenço apresenta temperaturas amenas durante quase todo o ano. A média climatológica anual é igual a 19,1° C, sendo julho o mês mais frio, com média de apenas 13,1° C. Nesse mês, a média das temperaturas mínimas é de gélidos 7° C. Mesmo no mês de dezembro, um do mais quentes do ano, com média de 22,4° C, as mínimas costumam ficar em torno dos 17° C.

    Embora localize-se próxima ao oceano, São Lourenço parece não contar com a influência da maritimidade. O número de horas de brilho solar na cidade é expressivo (média de 2468,1/ano) e as temperaturas máximas raramente ficam abaixo dos 20° C. A média climatológica anual das máximas é igual a 27,1° C (mesmo valor de Belo Horizonte), sendo junho o mês mais ameno, com média de 24,1° C. Em março, a média das máximas é bastante elevada: 29° C. Nesse mês e também entre dezembro e janeiro, a cidade costuma apresentar maior insolação que a capital mineira.

    Apesar do "calorzinho" diurno, a cidade raramente sofre com problemas de baixa umidade relativa do ar. Mesmo no mês mais seco do ano - setembro - a média da umidade relativa é igual a 70,1 % (contra 65,1 % de Belo Horizonte e 53,4 % de Montes Claros). O volume médio de precipitação anual é de 1568,9 mm, sendo dezembro o mês mais chuvoso, com 278,2 mm de média. Julho, por sua vez, tem o menor acumulado médio de precipitação: 24,7 mm.

    Curiosidades:

    • A cidade localiza-se no vale do Rio Verde, afluente do Rio Grande (Bacia do Paraná), o que a deixa suscetível a cheias fluviais. Em janeiro de 2000, o transbordamento do Rio Verde provocou diversos prejuízos à cidade.
    • Entre 1961 e 1990, a menor temperatura registrada em São Lourenço foi no dia 23 de junho de 1990: 4,9° C negativos!
    • No mesmo período, a maior temperatura observada foi 36,0° C, no dia 17 de novembro de 1985.
    • Ainda nesse período, o maior volume de chuva acumulado em 24 horas foi o de 17 de outubro de 1978: 136,8 mm!

    Gostou do segundo episódio da série? Sentiu falta de algo? Você pode participar sugerindo a próxima cidade a ser escolhida. O BH TEMPO receberá nomes até o dia 27 de setembro na seção "comentários" deste post. Participe!

    Um comentário:

    Gordinho disse...

    A próxima cidade a ser escolhida podia ser Patrocínio no Triângulo Mineiro.