Monitoramento ao vivo: twitter.com/bhtempo

bhtempo

    4 de julho de 2009

    Mais uma tarde quente em BH

    A frente fria que avançou pelo litoral da região Sudeste do Brasil e causou chuva moderada na madrugada de hoje em grande parte da Zona da Mata mineira, quase não influenciou o tempo em Belo Horizonte. Hoje, a capital mineira amanheceu com 15,7° C, mas durante a tarde a temperatura chegou a 27,3° C, quase 3 graus acima da média climatológica para o mês de julho. Os dados foram registrados por uma estação automática do Instituto Nacional de Meteorologia, localizada na região da Pampulha. A partir de amanhã, com a aproximação de uma massa de ar polar maritimizada, as temperaturas máximas irão sofrer ligeira redução na RMBH. Em Belo Horizonte, a máxima não deve passar dos 25° C. Já as mínimas ficarão em torno de 12° C na capital. Na noite deste sábado, às 19h, fazia 20,6° C.
    .

    3 de julho de 2009

    Frente fria provoca chuva na Zona da Mata

    Áreas de instabilidade associadas a uma frente fria provocam pancadas de chuva moderada na noite de hoje em quase toda a Zona da Mata mineira. Por volta das 23 horas chovia na região de Juiz de Fora e Barbacena. Nas próximas horas deve chover também nos arredores de Conselheiro Lafaiete, a 100 quilômetros de Belo Horizonte. Na capital, a possibilidade de chuva é pequena, às 23 h o céu estava com poucas nuvens. A temperatura era de 19,3° C na estação do INMET localizada na região da Pampulha.

    Manhã ensolarada em BH

    A manhã dessa sexta-feira é de céu limpo, sem qualquer sinal de nuvem, em Belo Horizonte (imagem ao lado). A mínima registrada pela estação do INMET na região da Pampulha foi igual a 14,8° C. Às 10 da manhã, a temperatura já havia subido aos 22,9° C e a umidade relativa do ar era de 50 %. Até o final da tarde, a nebulosidade aumenta e a temperatura pode chegar aos 27° C.

    2 de julho de 2009

    Ar seco predomina em Minas Gerais

    Uma intensa massa de ar seco - comum nesta época do ano - predomina sobre o oeste, centro e norte de Minas Gerais. Esse sistema, além de reduzir a umidade relativa do ar, impede a progressão de frentes frias pelo interior do país. Nos próximos dias, a frente que hoje está sobre o Estado de São Paulo será desviada para o oceano, por onde irá prosseguir. Em Minas Gerais, sua influência será sentida apenas nas regiões Sul e Zona da Mata, onde deve chover amanhã. Em Belo Horizonte, a umidade se eleva e a nebulosidade aumenta no sábado, mas não ha previsão de chuva significativa. Hoje, a capital mineira teve máxima de 28,1° C (zona sul). Amanhã ainda deve fazer calor: máxima de 27° C. Nas regiões Norte e Triângulo há risco de baixa umidade (inferior a 25 %) nesta sexta-feira.

    1 de julho de 2009

    Previsão para os próximos 3 dias no interior



    Tardes mais frias voltam a predominar em MG no final de semana

    Uma extensa massa de ar polar avança pelo Sul do país e deve influenciar o tempo em Minas Gerais a partir da próxima sexta-feira (03/07). As tardes mais frias e com ventos fortes irão predominar por todo o final de semana no Centro-Sul do Estado. A temperatura máxima deve cair em torno de 6° C. Em Belo Horizonte, a máxima que hoje poderá chegar aos 27° C, ficará próxima a 22° C no sábado. Para as madrugadas não são esperadas quedas acentuadas de temperatura. A massa polar chegará ao Estado maritimizada, portanto menos seca, o que reduz as chances de temperaturas menores do que aquelas observadas no início do mês de junho. As mínimas na capital deverão ficar em torno de 11° C.
    .

    30 de junho de 2009

    Resultado final de nossa enquete!

    Em instantes participe de nossa nova enquete: "Qual é sua posição a respeito da teoria do Aquecimento Global?"
    O BH TEMPO quer ouvir seus visitantes!
    .

    Frio noturno em Minas Gerais / Previsão para os próximos dias no Estado

    Mais uma madrugada fria em grande parte de Minas Gerais. Veja a temperatura mínima registrada em algumas cidades mineiras nessa terça-feira:

    Belo Horizonte e cidades próximas

    Belo Horizonte (Pampulha): 12,5° C
    Florestal: 8,6° C
    Sete Lagoas: 10,3° C
    Confins (aeroporto): 11° C
    Ouro Branco: 11,9° C
    Serra do Rola Moça (Ibirité): 12,9° C

    Interior

    Monte Verde: 5,8° C
    Caldas: 6,8° C
    Barbacena (aeroporto): 7° C
    Maria da Fé: 7,4° C
    São João Del-Rei: 8,7° C
    Viçosa: 8,8° C
    São Lourenço: 9° C
    Machado: 9,3° C
    Curvelo: 11,0° C
    Varginha: 11,1° C
    Lavras: 11,3° C
    Diamantina: 11,8° C
    Juiz de Fora: 12,2° C

    Os dados são de estações automáticas e convencionais do INMET e de aeroportos.

    Previsão

    Uma frente fria associada a um ciclone extra-tropical avança rapidamente pelo litoral da região Sul do país e já influencia o tempo no Estado de São Paulo. Esse sistema não terá força suficiente para vencer a intensa massa de ar seco que se estabeleceu sobre Minas Gerais. Entre hoje e amanhã há apenas uma pequena chance de chuva para o extremo Sul do Estado. Os próximos dias serão de tempo estável na maior parte de Minas. As temperaturas máximas entram em elevação e as mínimas não sofrem alteração. Em Belo Horizonte, a máxima nesta terça-feira pode chegar aos 26° C.
    .

    29 de junho de 2009

    Madrugada fria e com nevoeiro em Belo Horizonte

    A madrugada dessa segunda-feira foi uma das mais frias do ano em Belo Horizonte, a mínima registrada na região da Pampulha ficou em 11,4° C. O céu limpo e a quase total ausência de ventos no período noturno facilitaram a perda radiativa. Ontem, a máxima em Belo Horizonte chegou aos 22,7° C e logo que o sol se pôs a temperatura começou a cair rapidamente. No início da manhã de hoje, a baixa temperatura combinada à alta umidade relativa do ar foi responsável pela ocorrência de nevoeiros em quase toda a Região Metropolitana de Belo Horizonte. Por volta das 5 da manhã a visibilidade estava em 200 m no aeroporto da Pampulha, situação que comprometeu as operações. No aeroporto internacional de Confins, onde fez 9° C, a visibilidade foi reduzida aos 200 m às 8 da manhã. Às 10 horas, a temperatura era de 20,4° C na capital e a névoa úmida ja havia se dissipado (imagem ao lado). A máxima hoje deve chegar aos 24° C em Belo Horizonte.


    Interior


    Além da capital e Região Metropolitana, localidades do Sul de Minas Gerais amanheceram frias nessa segunda-feira. Veja a temperatura mínima registrada em algumas cidades dessa região:

    Monte Verde: 3,4° C
    Maria da Fé: 6,2° C
    Caldas: 7,3° C
    Passa Quatro: 8,7° C
    Varginha: 9,7° C
    Formiga: 10,8° C

    Na Zona da Mata, Triângulo e Campo das Vertentes, a queda de temperatura não foi tão acentuada. Em Juiz de Fora a mínima ficou em 13,7° C. Em Uberlândia a mínima foi elevada para essa época: 16,5° C.
    .

    28 de junho de 2009

    Depois de chuva forte, manhã fria e nublada em Belo Horizonte

    As previsões se confirmaram e Belo Horizonte teve uma madrugada bastante chuvosa com muitos raios e trovoadas, como raramente ocorre em um mês de junho na capital. Conforme o BH TEMPO já havia anunciado no dia 21/06, a estação seca de 2009 seria menos intensa que a dos últimos anos. E não poderia ser diferente, a umidade relativa do ar se mantém elevada e o volume de precipitação acumulado com a chuva dessa madrugada (21,6 mm) certamente será responsável por um dos junhos mais chuvosos da história de Belo Horizonte. Preparamos um gráfico com dados de precipitação nesse mês na capital ao longo do período 1986-2007:

    O ano que teve um junho mais chuvoso foi 1987, com quase 60 mm. Destacamos também junho de 1989, com mais de 40 mm de precipitação. Outros anos que apresentaram anomalias positivas nesse mês foram 1993, 1997, 2004 e 2005. No restante do período, o acumulado ficou dentro ou abaixo da média mensal (10,3 mm). A tendência (linha preta) observada ao longo desses 22 anos é de redução da precipitação em Belo Horizonte nesse mês. Contabilizando a chuva dessa madrugada, em junho de 2009 já choveu 38,6 mm na capital - terceiro maior valor do período aqui considerado. Se houver mais chuva hoje é provável que 2009 supere 1989 e se torne o segundo ano com maior precipitação em junho na cidade.

    A manhã desse domingo começou fria e úmida em Belo Horizonte: 14,2° C com umidade relativa de 97 % na Pampulha (INMET). Às 10 da manhã a temperatura ainda era de 16,9° C e a umidade de 87 %. A máxima hoje não deve passar dos 22° C.
    .