Monitoramento ao vivo: twitter.com/bhtempo

bhtempo

    11 de julho de 2009

    Previsão do tempo para partida entre Cruzeiro e Atlético nesse domingo

    As duas maiores equipes de futebol de Minas Gerais entram em campo nesse domingo às 16 horas para travar um dos maiores clássicos do país. O jogo será realizado no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. A previsão do tempo para o horário da partida é de céu parcialmente nublado a nublado, temperatura em torno de 24° C e umidade relativa do ar acima de 60 %. A chance de chuva no momento da partida é muito pequena e se ocorrer será fraca. O BH TEMPO deseja um bom jogo aos torcedores das duas equipes!

    Ventos fortes durante a tarde em BH

    Conforme o BH TEMPO alertou na manhã de hoje, ventos fortes poderiam atingir a Região Metropoltina de Belo Horizonte durante a tarde. E não foi diferente: na capital, as rajadas mais fortes de vento norte/noroeste ultrapassaram a velocidade de 40 km/h. Esse vento é resultado da aproximação de uma frente fria. Durante a tarde as nuvens cresceram sobre a cidade, mas como anunciamos não haveria condições para chuva. A temperatura máxima oficial medida pelo INMET em Belo Horizonte ficou em 26,3° C. Às 19 horas fazia 21,8° C e a umidade relativa do ar era igual a 63 % na região da Pampulha.

    Chuva no Sul de Minas

    No início da noite desse sábado chovia no extremo Sul de Minas Gerais. A chuva era mais significativa nas regiões de São Lourenço, Itajubá e Maria da Fé. Nas próximas horas pode chover também em áreas isoladas da Zona da Mata e do Triângulo Mineiro.
    .

    Nuvens altas em Belo Horizonte

    A aproximação de uma frente fria é quase sempre prenunciada pelo surgimento de nebulosidade alta. As nuvens tipo cirrus, constituídas por cristais de gelo, indicam presença de ventos fortes na alta troposfera (8 a 10 km de altura), comuns em situações de pré-frontal.

    Belo Horizonte amanheceu com muitas nuvens altas nesse sábado (imagem acima). A temperatura mínima registrada pela estação do Instituto Nacional de Meteorologia localizada na região da Pampulha foi igual a 15,7° C. Esse valor está quase 3 graus acima da média mensal. A máxima na capital fica em torno dos 26° C. Há previsão de ventos fortes durante a tarde.
    A frente fria que já mudou o tempo no Estado de São Paulo não deve provocar chuva na Região Metropolitana de Belo Horizonte, mas na próxima semana o frio deve voltar com a chegada de uma nova massa de ar polar. Já no Sul de Minas deve chover forte ainda hoje.
    .

    10 de julho de 2009

    Temperatura em elevação em Belo Horizonte

    A sexta-feira começou com muito sol em Minas Gerais. Em Belo Horizonte, os ventos marítimos que predominaram nos últimos dias deram lugar a ventos mais quentes e secos de norte e nordeste. O resultado é a elevação da temperatura e a queda da umidade relativa do ar. Ao meio-dia fazia 24,1° C na região da Pampulha, contra 22,7° C de ontem no mesmo horário. A umidade relativa era igual a 51 %. A pressão também está em queda: 920,6 hPa contra 922,8 hPa ontem. Hoje, a máxima deve ficar em torno dos 26° C na capital.

    9 de julho de 2009

    Tarde amena em Minas Gerais

    A tarde desta quinta-feira começa parcialmente nublada em grande parte de Minas Gerais. A nebulosidade e os ventos marítimos deixam a temperatura agradável e a umidade relativa do ar adequada - acima de 40 % - em quase todo o Estado. Em Belo Horizonte (imagem ao lado) fazia 24° C com umidade relativa de 54 % às 14 horas. Os dados foram registrados na região da Pampulha. Veja a temperatura no mesmo horário em outras localidades mineiras:
    Monte Verde: 18,1° C
    Viçosa: 18,2° C
    Diamantina: 19,4° C
    Maria da Fé: 19,7° C
    Rio Pardo de Minas: 20,4° C
    Barbacena: 21,0° C
    Passa Quatro: 21,1° C
    Capelinha: 21,2° C
    Juiz de Fora: 21,6° C
    Guanhães: 21,8° C
    Águas Vermelhas: 22,7° C
    Teófilo Otoni: 22,8° C
    Varginha: 22,8° C
    Montes Claros: 23,9° C

    8 de julho de 2009

    Previsão para os próximos 5 dias em Belo Horizonte

    Temperatura cai rápido em BH

    Depois de uma tarde amena e agradável, com máxima de 24,6° C na região da Pampulha e 24,3° C na zona centro-sul da cidade, Belo Horizonte tem um início de noite com rápida queda de temperatura e ventos fortes. Às 18 horas, a estação meteorológica do Inmet na Pampulha registrou 19° C e umidade relativa de 69 %. A próxima madrugada deve apresentar mínima de 13° C na capital e sensação térmica de até 8° C. Em instantes o BH TEMPO irá divulgar previsão para os próximos 5 dias em Belo Horizonte. Aguarde!
    .

    Manhã agradável em Belo Horizonte

    A manhã dessa quarta-feira começa com céu claro a parcialmente nublado em Belo Horizonte (imagem ao lado). A mínima registrada na região da Pampulha foi igual a 14,4° C. Em virtude do vento constante que sopra do quadrante leste, a sensação térmica durante a madrugada ficou próxima a 9° C. Às 10 da manhã a temperatura era de 18,8° C e a umidade relativa estava em 64 %. A máxima hoje não deve ultrapassar os 24° C.

    RMBH: A sensação térmica também foi de muito frio nas áreas mais elevadas da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Na Serra do Rola Moça, em Ibirité, fez 12,5° C, mas a sensação era de apenas 2° C. Na região, os ventos mais fortes superaram a velocidade de 40 km/h.

    Atualizado às 11:22

    7 de julho de 2009

    Próxima madrugada será gelada em BH

    A noite mal começou, mas a temperatura já despencou na Região Metropolitana de Belo Horizonte. E os ventos fortes produzem uma sensação ainda maior de frio. Na capital, a temperatura não passou dos 24,3° C durante a tarde. Às 20 horas fazia 16,6° C, segundo dados da estação automática do INMET na Pampulha. Como as rajadas de vento chegavam a 27,7 km/h, a sensação térmica era de apenas 10° C. A próxima madrugada deve ter mínima de 13° C e sensação térmica de até 6° C em Belo Horizonte. Nas áreas mais elevadas da RMBH, a sensação térmica pode voltar a ficar próxima de 3° C. Na Serra do Rola Moça, em Ibirité, fazia apenas 14,8° C às 20 horas e os ventos chegavam a 32,4 km/h. Nessas condições a sensação térmica já era de 8° C.

    A sensação também é de frio em Diamantina. Às 20 horas fazia 13,2° C e as rajadas mais fortes de vento atingiam os 19 km/h. Na cidade histórica, a sensação térmica era de 8° C nesse horário.
    .

    Sensação de muito frio em Minas Gerais

    A temperatura não caiu tanto na última madrugada, mas a sensação de frio foi grande em parte de Minas Gerais. O vento constante que sopra de leste derrubou a sensação térmica nas primeiras horas do dia. Quanto mais intensa é a rajada de vento, menor é a sensação térmica. Na estação da Serra do Rola Moça, por exemplo, entre 6 e 7 da manhã foi registrado 13,1° C e rajadas de vento de até 43,2 km/h. Nesse caso a sensação térmica estava em 3° C, 10 graus a menos que a temperatura real. Veja a mínima registrada em outras localidades mineiras e a sensação térmica no mesmo horário, segundo convenções internacionais.

    BH e cidades próximas

    Belo Horizonte (Pampulha): mínima 15,1° C / sensação: 9° C
    Florestal: mínima 9,0° C / sensação: 9° C
    Confins (aeroporto): 12° C / sensação: 7° C
    Ouro Branco: 12,8° C / sensação: 9° C
    Serra do Rola Moça (Ibirité): 13,1° C / sensação: 3° C

    Interior

    Monte Verde: 5,7° C / sensação: 3° C
    Maria da Fé: 7,5° C / sensação: 7° C
    Diamantina: 11,7° C / sensação: 4° C
    Barbacena (aeroporto): 12,2° C / sensação: 8° C
    Juiz de Fora: 12,7° C / sensação: 8° C
    Capelinha: 12,8° C / sensação: 6° C
    .

    6 de julho de 2009

    Muita nebulosidade em parte de Minas Gerais

    Um sistema de alta pressão associado à uma massa de ar polar maritmizada espalha muita nebulosidade no Sul de Minas, Zona da Mata e nos vales dos rios Doce, Mucuri e Jequitinhonha (imagem ao lado). Em algumas cidades dessas regiões há ocorrência de chuva fraca. Em Juiz de Fora o céu estava bastante fechado por volta das 13 horas e a temperatura ainda não havia passado dos 15,1° C . Em Capelinha fazia apenas 16,6° C no mesmo horário. As temperaturas deste início de tarde também estão baixas nas cidades de Maria da Fé (16,3° C), Diamantina (17,1° C) e Barbacena (17,5° C) . Em Belo Horizonte, o céu encontra-se parcialmente nublado e a temperatura às 13 h era igual a 21° C (Pampulha). Os dados são de estações automáticas do INMET.

    Pressão atinge maior valor do ano em Belo Horizonte

    Não é fácil perceber, mas essa segunda-feira merece destaque meteorológico em Belo Horizonte. Às 10 horas da manhã, a estação automática do INMET localizada na região da Pampulha quebrou recorde e registrou o maior valor de pressão desse ano na capital: 926,1 hPa. Para efeito de comparação, o menor valor registrado em 2009 foi 909,1 hPa, em 3 de janeiro, conforme gráfico abaixo:

    O valor elevado é resultado da influência de um sistema de alta pressão - ou anticiclone - sobre a porção centro-leste de Minas Gerais. Esse sistema está associado a um massa de ar polar que encontra-se em processo de tropicalização. As consequências de sua atuação em Minas Gerais têm sido, além da elevação da pressão, suave redução das temperaturas máximas, ligeiro aumento da umidade relativa do ar, ventos fortes e maior nebulosidade durante as manhãs.

    Em 2008, o maior valor de pressão registrado foi 928,3 hPa, no mês de julho. Em 2007, o valor mais elevado foi 928,8 hPa, no dia 5 de setembro. Portanto, muito provavelmente o valor registrado hoje será superado por outros até o final da estação seca. De qualquer forma, ele certamente estará entre os maiores do ano.

    5 de julho de 2009

    Nebulosidade aumenta em Belo Horizonte

    Os fortes ventos marítimos que desde o final da tarde de ontem atingem a região central de Minas Gerais determinam uma manhã mais úmida, amena e nublada em Belo Horizonte (imagem ao lado). Às 11 horas da manhã desse domingo fazia 21,4° C na Pampulha, 2 graus a menos do que foi registrado ontem no mesmo horário. A umidade relativa do ar, por sua vez, está mais elevada hoje: 62 %, contra 52 % do sábado. A pressão também está em elevação: às 11 horas foi registrado 924,7 hPa (quase 3 hPa maior que ontem). As rajadas mais fortes de vento leste apresentam velocidade superior à 30 km/h nos bairros mais elevados da cidade.