Monitoramento ao vivo: twitter.com/bhtempo

bhtempo

    7 de novembro de 2009

    Sábado de muito sol e calor em MG

    O predomínio de duas massas de ar quente, uma seca e outra úmida, deixa as temperaturas bastante elevadas em todo o estado de Minas Gerais nesse sábado. O aquecimento diurno pode provocar pancadas de chuva isolada, localmente forte, no Triângulo Mineiro, Alto Paranaíba, Noroeste e Sul do estado. Já no Norte e nos vales dos rios Doce, Mucuri e Jequitinhonha, o sábado será de muito sol e calor, sem qualquer expectativa de chuva. Na Região Metropolitana de Belo Horizonte, o sol brilha forte nessa manhã, mas à tarde a nebulosidade aumenta e há uma pequena possibilidade de chuva. Às 11 h da manhã fazia 27,2° C com umidade relativa de 59% na capital mineira, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia registrados na região da Pampulha. A máxima hoje deve chegar aos 31° C. Veja a temperatura no mesmo horário e a máxima prevista para hoje em outras localidades mineiras:
    Poços de Caldas: 24° C / máxima: 28° C
    Uberlândia: 25° C / máxima: 28° C
    Juiz de Fora: 27° C / máxima: 31° C
    Montes Claros: 28° C / máxima: 32° C
    Governador Valadares: 28° C / máxima: 33° C
    Com exceção de Governador Valadares, os dados de temperatura foram medidos por aeroportos locais. O dado de Valadares foi medido pelo INMET. A previsão de máxima é do BH TEMPO.

    5 de novembro de 2009

    Nebulosidade diminui na RMBH



    O início da tarde dessa quinta-feira é de céu claro, com sol entre poucas nuvens, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A redução da nebulosidade se deve à elevação da pressão atmosférica e ao fortalecimento de uma massa de ar quente e seco sobre a porção oriental mineira. Em Belo Horizonte, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) registrados na região da Pampulha, a pressão atingiu 920,7 hPa entre 10 h e 11 h dessa manhã. Ontem, no mesmo horário, o maior valor registrado nesse local foi 918,4 hPa.
    A massa de ar seco que avança sobre parte de Minas Gerais é a mesma que há vários dias provoca muito calor no Sul e Sudeste do país. Ontem, segundo o INMET, a temperatura chegou aos: 36,5° C no Rio de Janeiro, 32,1° C em São Paulo, 32,7 em Curitiba e 30,4° C em Porto Alegre. Em Belo Horizonte (Av. do Contorno), a máxima foi de apenas 27,4° C.
    Nessa quinta, o céu mais aberto favorece uma elevação maior da temperatura na capital mineira (imagem acima e à dir.). A máxima deve atingir os 30° C e a umidade relativa pode ficar abaixo de 40%. O aumento da pressão dificulta a formação de nuvens de chuva até, pelo menos, o próximo domingo. Às 13h fazia 27,7° C, com umidade relativa de 54 % em BH, segundo dados do INMET registrados na região da Pampulha.

    4 de novembro de 2009

    Tarde com pancadas de chuva em BH

    A tarde dessa quarta-feira é de céu parcialmente nublado a nublado e chuvas isoladas em Belo Horizonte (à esq.) e Região Metropolitana. Diferente do estado de São Paulo, onde o predomínio de uma massa de ar quente e seco deixa o tempo firme, em Minas Gerais a combinação entre calor e elevada umidade provoca pancadas de chuva isolada, localmente forte. A pressão atmosférica continua baixa em todo o estado, o que favorece o crescimento das nuvens. No entanto, a partir de amanhã, a influência de um sistema de alta pressão atmosférica afasta as instabilidades e reduz a possibilidade de chuva na capital até, pelo menos, o próximo domingo.

    3 de novembro de 2009

    Manhã nublada na RMBH


    Após uma madrugada de chuva forte, com raios e trovoadas, a manhã dessa terça-feira ainda é de céu bastante nublado em Belo Horizonte (acima e à dir.) e Região Metropolitana. Embora o sistema convectivo responsável pela chuva das últimas horas permaneça sobre a região (acima e à esq.), o sol deve voltar a aparecer durante a tarde. Nessa quarta-feira ainda existem condições para ocorrência de chuva isolada, localmente forte, sobre o centro-sul do estado, inclusive na capital. Já a partir de quinta, a influência de um sistema de alta pressão atmosférica deve afastar as instabilidades e reduzir a chance de chuva em BH e Região Metropolitana até, pelo menos, o próximo sábado.

    Previsão para os próximos 5 dias em Belo Horizonte


    1 de novembro de 2009

    BH: céu fechado na tarde desse domingo

    Novas áreas de instabilidade formadas pelo calor e a elevada umidade devem provocar chuva forte, com raios e trovoadas, nas próximas horas em Belo Horizonte e Região Metropolitana. A capital mineira teve uma manhã de sol entre nuvens, mas no início da tarde a nebulosidade aumentou e deixou o céu bastante escuro (à esq.). Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia, na região da Pampulha fazia 25,0° C com umidade relativa de 59 % às 13 horas.